Salvem Nosso Planeta

Salvem Nosso Planeta

Por Francisco Beck

Por mais incrédulo que seja o ser humano já percebeu, que o planeta Terra pede socorro, para podermos Viver Bem temos que cuidar do nosso planeta. O que estão fazendo com o nosso planeta é assustador e abominável, na verdade estamos fazendo com nós mesmo, pois a natureza nos devolve em dobro tudo de ruim que fazemos a ela. Tenho esperança e desjo muito que o comportamento das pessoas mude para melhor, só assim viveremos num mundo sem violência, guerra, destruição e desamor. Para nossa própria segurança e de toda a humanidade temos que trabalhar em prol dessa tranformação. Com pequenos gestos podemos fazer muito pela preservação e conservação da espécie humana e do que resta do nosso planeta. Todos nós podemos fazer a diferença, veja abaixo algumas atitudes que você pode por em prática para preservar o meio ambiente, sugeridas pela assessora de comunicação do Greenpeace Brasil, Tica Minami.

Cuide da Terra.

Todos os dias, fazemos centenas de escolhas que causam impacto no meio ambiente. Por isso, pense cuidadosamente sobre o que você faz, os produtos que usa e o lixo que produz. Antes de fazer uma escolha, pergunte-se: “Existem alternativas que não prejudicam o meio ambiente?” Esse é o primeiro passo para fazer a diferença.

Reduza o impacto individual no meio ambiente. 

A melhor coisa que podemos fazer pelo planeta é usar seus recursos com critério. A raiz da atual crise ambiental está na sociedade consumista. Sempre que possível, apóie serviços e compre produtos ambientalmente corretos ou que produzam impacto ambiental mínimo, considerando a redução na geração de lixo e menor consumo de energia.

Use sua força política.

Antes de votar nas próximas eleições, saiba a posição defendida pelos políticos em questões ambientais importantes. Escreva, telefone ou envie um e-mail sobre suas preocupações em relação ao meio ambiente e o que você espera que eles façam para proteger o planeta.

Consuma energia de forma eficiente.

Cada escolha que você faz pode reduzir a quantidade de CO2 liberada na atmosfera e ajudar a interromper o aquecimento global. Escolha fontes de energia limpas e renováveis, como a solar e a eólica. Faz bem para o meio ambiente e também pode reduzir sua conta de energia.

Economize água.

Conserte vazamentos de torneiras, banheiro ou canos de água. Lembre-se de que um pequeno vazamento pode causar um grande desperdício de água. Regue jardins e gramados apenas se necessário e, quando o fizer, molhe as plantas pela manhã.

Informe-se sobre alternativas ambientalmente corretas para sua casa.

Se está pensando em construir ou reformar sua casa, procure alternativas ambientalmente corretas no design e nos materiais a serem utilizados.

Dirija menos e use transporte público.

Você usa o transporte público, caminha ou anda de bicicleta? Essas são boas alternativas e podem fazer uma grande diferença na quantidade de emissão de gases que provocam o aquecimento global. Se tiver de dirigir, tente dar carona sempre que possível.

Não aceite a liberação de transgênicos.

Pergunte nos supermercados se os estoques de produtos contêm organismos geneticamente modificados (OGMs). Se sim, diga a eles que você não quer transgênicos no seu prato porque se preocupa com sua saúde e porque representam uma grande ameaça ao meio ambiente. Pergunte nos restaurantes se eles usam produtos transgênicos e diga a eles que você gostaria de contar com opções de pratos orgânicos ou sem transgênicos no menu.

Evite o uso de materiais tóxicos e agrotóxicos.

Embora a indústria seja a principal fonte de poluição tóxica, todos nós contribuímos para a existência do problema. Leia os rótulos dos produtos antes de comprá-los e escolha os menos poluentes. Use produtos de limpeza como o vinagre, menos agressivo do que os produtos químicos, e sabão em pedra em vez de detergentes. Sempre que possível não utilize agrotóxicos. Procure não usar secadoras e aerossol. Prefira tintas à base de água a tintas com solventes; nunca use tintas tóxicas. Evite armazenar alimentos em plásticos.

Quando você tiver de usar plástico, tenha certeza de que ele não contém PVC.

Todo o ciclo de vida de produtos à base de PVC (policloreto de vinila) polui o meio ambiente e a sua casa. Alguns produtos que incluem PVC: armações de janelas e outros materiais de construção, pisos, revestimentos, chuveiros, cortinas e alguns brinquedos para crianças.

Não jogue lixo doméstico perigoso no meio ambiente.

Tintas, tíner, agrotóxicos e fluidos para carros nunca devem ser jogados em latas de lixo ou no esgoto. Informe-se sobre a melhor maneira de jogar fora esses materiais e evite usá-los sempre que possível.

Cultive plantas nativas.

Se você possui um jardim, cultive plantas nativas ameaçadas em sua região. Dê preferência a espécies que necessitam de menor irrigação e, conseqüentemente, menos energia. Prefira flores, árvores, coberturas vegetais rasteiras e verduras em vez de grama. Proteja e estimule a diversidade.

Ensine seus filhos a preservar o meio ambiente e apóie iniciativas de educação ambiental nas escolas e em sua comunidade.

As gerações futuras terão de tratar de grandes questões ambientais, como o aquecimento global, perda da biodiversidade, disposição final do lixo (incluindo resíduos tóxicos e nucleares) e impactos potenciais de organismos transgênicos. Assegure que elas estejam prontas para entender e se envolver com a proteção do meio ambiente, através de iniciativas e programas escolares.

Seja positivo.

Há sérias ameaças ao nosso meio ambiente e ao futuro da vida no planeta. Mas também há soluções. Seja positivo e faça a diferença!

Por favor siga e curta
Sobre Francisco Beck 13 Artigos
Um eterno aprendiz! Técnico de Informática, Web Designer, Designer Gráfico, Editor de Imagens e Vídeos, Criador e Curador de Conteúdo

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*